Cabaret, Liza Minnelli

O que observo nos posts que acabei de publicar é que a informação acessível  é repleta de contradições, confusa – como se escrita sem qualquer escrúpulo de investigação. Não importa se as mesmas notícias são revestidas de uma linguagem mais ou menos apurada.

A gripe  “H1N1 epidemia 2009″ é agora chamada gripe A, nos orgãos de comunicação.

No vídeo do primeiro post, as notícias informam que 4.000 americanos estão a pedir remunerações por causa dos efeitos da vacina contra a gripe suína: em dois terços dos casos, a danificação do sistema nervoso! E, segundo o repórter, em 300 casos, a morte. O vídeo mostra-nos as campanhas publicitárias e televisivas nos EUA em 1976, em consequência da qual 46 milhões de americanos se vacinaram. Descreve-se a história de uma senhora paralisada devido à vacina. David Senser, director do Centre for Disease Control CDC, desenvolveu a campanha de vacinação.  Veja o primeiro vídeo no post “A verdade sobre a GRIPE DOS PORCOS e VACINA”, 5:00.

Pode ver como a campanha é lançada MESMO SEM HAVER CASOS CONFIRMADOS DE GRIPE E SEM A VACINA TER SIDO suficientmente TESTADA!!!!!!!!!!!!

Depois, no segundo vídeo, pode ver como os cientistas sabiam dos altos riscos de danificação do sistema nervoso, e como no entanto, não informaram ninguém. Além disso, as vacinas iniciais, que teriam sido minimamente testadas, foram substituídas por outras!!! Essas outras, não testadas!!! Isto foi em 1976, e, apesar de todo o sofrimento provocado, o pandemónio continua.

Apesar da óbvia confusão que reina a respeito do vírus e da gripe, como pode ver nos posts anteriores, “a médica Marie-Paule Kieny, diretora do departamento de pesquisas de vacinas da OMS, afirmou que a epidemia de gripe suína “não pode ser detida” e, portanto, todos os países precisarão de vacina.”

Lendo os artigos anteriores, veja como deve ser por magia que a senhora sabe que a gripe “não pode ser contida”

A campanha continua:

Em Itália, “prevê-se” que 3 milhões serão infectados (!!!). claro que haverá vacinação em massa.

A ciência faz avanço misteriosos que não lhe conhecíamos: estas previsões extraordinárias.

A Austrália encomendou hoje (14 de Julho) 21 milhões de vacinas contra a gripe suína, quantidade suficiente para toda a população do país, após a advertência da Organização Mundial da Saúde (OMS) de que “a epidemia não pode ser contida”.

Onde estão, por exemplo, os avisos de que a vacina pode prejudicar seriamente a saúde, para que as pessoas possam tomar uma resolução informada?

Vejam depois o vídeo de Ron Paul. Se estes dados estão correctos, em 1976, nos EUA, 46 milhões de pessoas foram vacinadas, enquanto só houve uma morte com a gripe.

Foi dito a respeito dos remédios para a gripe das aves, que eram pouco mais do que placebos…

Mais grave ainda do que serem arquitetados lucros tremendos e grandes negócios feitos com as indústrias bio-médicas, serão os casos em que as substâncias vendidas, não sejam placebos… E placebos não prejudicam o sistema nervoso.

Advertisements