Muito agradeço a distinção do Prémio Lemniscata, que foi gentilmente atribuido ao  A Ilha dos Amores, pela Ana Paula, autora do Catharse, e do Fio de Ariadne, entre outros blogues.

premio_lemniscata

O blogue   Fio de Ariadne atribuiu o prémio Lemniscata ao blogue    A Ilha dos Amores

“O selo deste prémio foi criado a pensar nos blogues que demonstram talento, seja nas artes, nas letras, nas ciências, na poesia ou em qualquer outra área e que, com isso, enriquecem a blogosfera e a vida dos seus leitores.

Cabe-me agora a honra de premiar  7 blogues. Ora bem, não o vou fazer JÁ. Porquê que cometo essa irregularidade? Porque tenho estado inactiva na blogosesfera. Penso que os blogues que eu venha a nomear também terão um nadinha de mais vantagem se eu lhes atribuir o prémio quando a Ilha dos Amores estiver mais activa e os leitores voltarem. Aliás porque penso que a simpatia dos prémios consiste em proporcionar maior comunicação e propagação de blogues que nos possam interessar, os quais de outra forma não viriamos a descobrir. Ora se eu passar este prémio numa altura em que o blogue, devido à minha prolongada  ausência, tem menos tráfego, o objectivo que descrevi não se cumpre.

Agradeço portanto, mais uma vez, e peço paciência quanto ao meu passar do prémio.

Sobre o significado de LEMNISCATA:

LEMNISCATA: “curva geométrica com a forma semelhante à de um 8; lugar geométrico dos pontos tais que o produto das distâncias a dois pontos fixos é constante.” Lemniscato: ornado de fitas Do grego Lemniskos, do latim, Lemniscu: fita que pendia das coroas de louro destinadas aos vencedores (In Dicionário da Língua Portuguesa, Porto Editora) Acrescento que o símbolo do infinito é um 8 deitado, em tudo semelhante a esta fita, que não tem interior nem exterior, tal como no anel de Möbius, que se percorre infinitamente.

Texto da editora de “Pérola da cultura”