A maestrina portuguesa Joana Carneiro vai tornar-se na terceira directora musical da prestigiada Orquestra Sinfónica de Berkeley, em 40 anos de existência, sucedendo a Kent Nagano. A nomeação foi feita hoje na sede da Orquestra, em Berkeley, Estados Unidos.

Joana Carneiro nasceu em Lisboa e recebeu o diploma de maestrina da Academia Nacional Superior de Orquestra. Obteve um “master” em direcção de orquestra na Northwestern University, como aluna de Victor Yampolsky e Mallory Thompson, prosseguindo os seus estudos de doutoramento na Universidade do Michigan, onde trabalhou com Kenneth Kieser.  Ler

Anúncios