Simbolicamente, deixo aqui um espaço em branco por causa de fotografias de uns frescos absolutamente fantásticas de Maria e Jesus, do princípio do Cristianismo, as quais perdi sem as conseguir reaver, passadas muitas horas de procura.

Também perdi depois, umas imagens de bonitas pinturas portuguesas do mesmo.