Tinha eu, ainda a agradecer – por ter mais em mente que um simples obrigada – uma homenagem do Réprobo, fresquinha, acabadinha de sair, ler aqui, (o que ele escreve, vale mesmo a pena ler)…. estando eu, portanto, cheia de planos com respeito à Tétis dos pés de prata, por ele mencionada, e a vários outros agradecimentos ainda por concretizar…. qual não é a minha surpresa quando deparo com a nomeação d’A Ilha dos Amores para as 7 maravilhas da blogosfera, por este pensador profundo, aqui.

Até, confesso, me assustei – quando mais tarde depreendi que não era motivo para sustos: suponho eu que sejam os sete blogs que tenham sido votado mais vezes, quem é eleito para as 7 maravilhas. Nem ouvira falar do prémio; acho-o uma coisa engraçada, contrapondo-se à outra competição ridícula das ”7 maravilhas do Mundo” – e essa é que condenei desde o princípio: basta ter visto uma ou duas fotografias do site inicial dos encarregados de andar pelo mundo a organizar esse ”concurso”, ideal para rebaixar outros, aos pés de uma sobrepotência de ausência de escrúpulo e cultura

Pelo contrário, o valor do que se aprende, lá no Afinidades Efectivas, redobra o prazer de receber o voto, o qual agradeço.

Tenho estado frequentemente sem rede e sem computador que funcione, o que me atrasou a minha nomeação das 7 maravilhas, desde que deparei com o voto do meu blog ontem à tarde! Não tendo sido possível antes desta manhã, espero que as seguintes 7 Maravilhas da blogosfera recebam ainda as minha votações, que merecem:

A Educação do meu Umbigo

As Afinidades Efectivas

Dias com árvores

Música Nas Esferas

O Carmo e a Trindade

Portugal Notável

P. Q. P. Bach